Conecte-se conosco

Brasil

Petrobras anuncia venda da refinaria de Pasadena

Publicado

em

Foto: Divulgação / Agência Petrobras

A Petrobras anunciou hoje (6) o início do processo de venda da sua refinaria de Pasadena, localizada no Texas, Estados Unidos. Por meio de sua afiliada Petrobras America Inc (PAI), a companhia iniciou a etapa de divulgação da oportunidade, com um teaser (técnica de marketing) para chamar a atenção para a venda da unidade.

De acordo com a petroleira, além da refinaria, a oportunidade inclui todo o sistema de operações de refino de Pasadena. A refinaria tem capacidade de processamento de 110 mil barris de petróleo por dia e capacidade de armazenamento de 5,1 milhões de barris do produto e derivados. O anúncio se estende ainda ao terminal marítimo, à logística e aos estoques associados, além de um terreno estrategicamente localizado no canal marítimo de acesso à cidade de Houston (Houston Ship Channel), para oportunidades de expansão futura.

Conforme a Petrobras, com a transação está prevista a alienação da participação da PAI nas empresas Pasadena Refining System, Inc, PRSI Trading LLC e PRSI Real Property Holdings LLC.

Segundo a companhia, o teaser, que descreve as principais informações sobre a oportunidade e os critérios objetivos para a seleção de potenciais participantes no processo, pode ser consultado no site da Petrobras.

Entre a divulgação da oportunidade e o fechamento da operação, chamada de closing, a empresa terá outros quatro estágios a seguir: Início da fase não-vinculante (quando for o caso); Início da fase vinculante; Concessão de exclusividade para negociação (quando for o caso); e Aprovação da transação pela alta administração (Diretoria Executiva e Conselho de Administração) e assinatura dos contratos.

A Petrobras informou que a divulgação ao mercado feita hoje está alinhada à sistemática para os desinvestimentos da Petrobras e às orientações do Tribunal de Contas da União.

Continue lendo
Publicidade
Comentários

Brasil

Emplacamento com modelos do Mercosul é mantido pelo Detran, mesmo após liminar

Publicado

em

O Departamento de Trânsito do Estado do Rio de Janeiro (Detran-RJ) informou nesta segunda-feira (15) que os emplacamentos com os novos modelos adotados no Mercosul seguem “normalmente”. A Justiça federal suspendeu a adoação das novas placas na semana passada, mas o órgão afirma que não foi notificado da decisão judicial.

“O Denatran, em nota, informa que até domingo (14/10) não foi notificado oficialmente sobre a liminar da Justiça pedindo a suspensão da placa Mercosul. A orientação repassada ao Detran-RJ é para que todos os processos de emplacamentos continuem seguindo normalmente”, afirma trecho da nota do Detran, publicada pelo ‘Extra’.

A placa Mercosul foi regulamentada pelo Denatran em 6 de março deste ano. O serviço foi lançado pelo Detran do Rio no dia 11 de setembro. Até então, 112 mil placas foram confeccionadas e o sistema do Detran administra as duas placas simultaneamente. Segundo o órgão, quem já fez a instalação do novo modelo não será prejudicado.

Até o momento, apenas o estado do Rio já utiliza a placa Mercosul. A liminar suspendendo a adoção dos novos modelos foi concedida no dia 12 de outubro. As novas placas seriam implementadas no Brasil até 1º de dezembro.

Continue lendo
Publicidade

Últimas

Publicidade

Mundo

Esportes

Destaques

© 2018 UNIVERSO NEWS