Conecte-se conosco

Famosos e TV

Huck usou empréstimo de R$ 17,7 milhões do BNDES para comprar jatinho

Publicado

em

Foto: Francisco Cepeda / AgNews

O apresentador Luciano Huck utilizou R$ 17,7 milhões do BNDES para comprar um jatinho particular da Embraer. O empréstimo foi feito em 2013 por meio do programa BNDES Finame (Financiamento de Máquinas e Equipamentos) com juros de 3% ao ano e 114 meses de amortização para o pagamento.

Segundo o blog Tijolaço, o crédito foi tomado pela Brisair Serviços Técnicos Aeronáuticos Ltda, que tem Huck e a esposa, Angelica, como sócios, e teve o Itaú como operador. Ainda de acordo com o blog, a Brisair funciona em uma sala da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, e no registro na Receita Federal afirma atuar com “consultoria em gestão empresarial, exceto consultoria técnica específica”.

Em nota enviada ao jornal Folha de S. Paulo, a assessoria do apresentador disse que o Finame “é um programa do BNDES de incentivo à indústria nacional, por isso financia os aviões da Embraer”.

O banco, por sua vez, afirmou que “até dezembro de 2017, havia 1.036.572 operações registradas no BNDES com as condições do PSI (Programa de Sustentação do Investimento), o que demonstra a pulverização do programa entre milhares de empresas de todo o Brasil”.

Continue lendo
Ad
Comentários

Famosos e TV

Padre Fábio de Melo se desculpa após ser acusado de intolerância religiosa

Publicado

em

📷 Divulgação

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra o padre Fábio de Melo falando, em tom de ironia, sobre práticas comuns em religiões de matrizes africanas. “Não tenha medo de macumbas, você tem o poder de fazer milagres”, consta na legenda das imagens, compartilhadas na página do celibatário na última sexta, 4 de maio.

No sermão proferido, Melo diz que os fiéis não devem acreditar nos rituais mencionados. “Se você achar que uma galinha preta na porta da sua casa com um litro de cachaça e uma farofa de banana tem o poder de trazer destruição para sua casa, você não conhece a força do cristo ressuscitado.”

Leia também: Padre Fábio de Melo revolta seguidores ao exibir batismo violento de bebê, veja o vídeo

Em outro momento, em tom de ironia, ele diz: “Com todo respeito a quem faz a macumba, pode fazer na porta da minha casa que se tiver fresco a gente come.

Nos comentários, alguns seguidores criticam a postura do padre. “O senhor deve saber melhor que eu que Jesus Cristo pregava o amor. Logo o respeito vem como consequência disso”, escreveu uma internauta. “A maldade não tem religião, desnecessário a ironia usada”, escreveu outra seguidora.

Nesta quinta (10), Melo se manifestou em suas redes sociais sobre as acusações. Ele afirmou que sempre pregou o respeito à todas as religiões e que o candomblé fez parte de sua origem. “Nunca quis ofender ou desmerecer quem quer que seja.”

Em outras mensagens, ele reforçou que não apoia a intolerância religiosa. “Somos irmãos e não me sinto melhor que ninguém. Se fui infeliz na forma como expressei o meu não crer, perdoem-me.”

Continue lendo
Ad

Facebook

Brasil

Ad

Mundo

Mais Vistas