Conecte-se conosco

Pará / Santarém

Governo do Pará investe R$ 13 milhões em equipamentos agrícolas para 36 municípios

Publicado

em

📷 Sidney Oliveira/Ag. Pará

Com o propósito de fortalecer o trabalho do pequeno agricultor, o Governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca (Sedap), entregou mais de R$ 4 milhões em equipamentos e veículos agrícolas a 36 municípios. A entrega dos implementos, fruto de emendas parlamentares de deputados estaduais, está na primeira fase e continua ao longo deste mês, totalizando R$ 13 milhões de recursos do Tesouro estadual.

Patrulhas mecanizadas, motocicletas, grades aradoras, caminhões, veículos tipo passeio, rabetas, casas de farinha completas e roçadeiras estão entre os equipamentos que vão ajudar no desenvolvimento da agricultura familiar. “Essa é a maior entrega já realizada pela Sedap destinada ao campo, ao pequeno agricultor, fruto de uma parceria bem alinhada entre Executivo e Legislativo. Temos aqui deputados de vários partidos, e o governo entende isso, que precisa ser democrático”, frisou o titular da Sedap, João Carlos Leão.

A entrega dos equipamentos foi iniciada em 13 de abril, e até o final de maio um investimento superior a R$ 9 milhões em maquinários está previsto para ser entregue a 34 municípios, incluindo a capital. O ex-chefe da Casa Civil da Governadoria, José Megale Filho, ressaltou que “temos uma Assembleia parceira, que sempre tem estado de mãos dadas com o governo no enfrentamento dos problemas, e os problemas do Executivo são problemas de todos. O governo continua empenhado para que mais entregas como essa possam ocorrer”, afirmou.

O município de São Francisco do Pará, na região nordeste, foi um dos beneficiados com um trator de 75 CV, plataformado, e uma plaina agrícola dianteira, no valor total de R$ 97.839,00. Segundo o prefeito Marcos Cesar Barbosa, o maquinário já tem destino certo. “Nosso município é eminentemente agrícola. Nossa agricultura familiar é muito forte, e é para onde este veículo será direcionado, para atender o pequeno agricultor. Todos estão muito ansiosos, pois os tratores que possuímos hoje não dão conta de atender de forma digna, já estão sucateados, e um trator novo vai garantir que o serviço e a produção deles tenham mais agilidade”, assegurou o gestor.

Pescadores de São Caetano de Odivelas, também no nordeste paraense, foram beneficiados com 20 rabetas longas, de 2,20 metros. O prefeito Mauro Rodrigues (conhecido por Macalé) destacou a importância da parceria que contempla diversos municípios. “Isso aqui é fantástico! Estou recebendo essas rabetas, que são equipamentos da melhor qualidade, e vão ajudar nossos pescadores. Mas não foi só isso. Já conquistamos muitas outras coisas nesse governo, assim como tantos outros municípios que também estavam necessitados. Já conseguimos asfalto e nosso ginásio, que está em construção”, informou Mauro Rodrigues.

Realidade – “Hoje é um dia de muita alegria. Eu não poderia deixar de agradecer a toda essa equipe do governo (Casa Civil e Sedap), que viabiliza tudo isso, e que faz com que as nossas emendas virem uma realidade para o povo. Isso é motivo de grande satisfação pra gente, do parlamento”, disse o deputado Renato Ogawa (PR), responsável pela emenda que destinou três patrulhas agrícolas aos municípios de Cachoeira do Piriá, Almeirim e Santo Antônio do Tauá.

Os municípios beneficiados com os equipamentos e veículos são: Itaituba, Santarém, Uruará, Redenção, Capitão Poço, Mãe do Rio, Ourilândia do Norte, Floresta do Araguaia, Breu Branco, Santa Maria do Pará, Bom Jesus do Tocantins, Abaetetuba, Cachoeira do Piriá, Capanema, Curuçá, Santa Luzia do Pará, Traquateua, Ulianópolis, Viseu, Medicilândia, Anapu, Bragança, São Caetano de Odivelas, São Francisco do Pará, Itaituba, Rurópolis, Quatipuru, São Miguel do Guamá, Nova Esperança do Piriá, Garrafão do Norte, Limoeiro do Ajuru, Bom Jesus do Tocantins, Goianésia do Pará, Almeirim, Santo Antônio do Tauá e Palestina do Pará.

As emendas são de autoria dos deputados estaduais Júnior Ferrari, Ana Cunha, Márcio Miranda, Airton Faleiro, Antônio Tonheiro, Hilton Aguiar, Carlos Bordalo, Cilene Couto, Eliane Lima, Dirceu Ten Caten, Renato Ogawa, Júnior Hage, Miro Sanova, Raimundo Santos, Ozório Juvenil, Sidney Rosa, Cássio Andrade e Raimundo Belo.

A entrega dos equipamentos, nesta primeira fase, na Unidade Agropecuária da Sedap em Ananindeua, se estenderá até o final de maio.

Continue lendo
Ad
Comentários

Pará / Santarém

Pessoas com câncer e renais crônicos ganham gratuidade nos ônibus de Santarém

Publicado

em

Foto: Mauro Nayan

O prefeito de Santarém Nélio Aguiar sancionou nesta segunda-feira, 21, Projeto de Lei – de autoria do próprio Poder Executivo – que institui o passe livre com gratuidade nas passagens de ônibus para os doentes renais crônicos e com câncer, comprovadamente carentes no Município. A gratuidade será oferecida em todos os dias e horários da semana, sem limite diário de viagens.

“O nosso principal objetivo nesta gestão é cuidar das pessoas que vivem em Santarém. Essa lei vem justamente para isso, dar um pouco mais de conforto e facilidade de locomoção para esses pacientes que já enfrentam uma rotina difícil”, argumentou o gestor.

O PL foi enviado para apreciação da Câmara de Vereadores no final de 2017. Agora, sancionado, a iniciativa do executivo será de responsabilidade da Secretaria Municipal de Mobilidade e Trânsito (SMT). A instituição do passe livre só será efetuada mediante apresentação de documentos e laudo médico emitido por especialista, contendo indicações sobre a doença.

Documentos necessários:
• Certidão de nascimento ou outro documento de identidade;
• Fotografia 2×3
• Comprovante de residência no Município, devidamente atualizado;
• Laudo médico obtido por especialista contendo indicações sobre a doença e CID – 10;
• Relatório social ou Cadastro Único emitido pela Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social do Município.

A lei esclarece ainda que são considerados doentes renais crônicos: portadores diagnosticados com moléstia renal grave com prescrição contínua de diálise e hemodiálise e transplantados renais. Consideram-se pacientes com câncer os portadores da neoplasma maligna.

Continue lendo
Ad

Facebook

Brasil

Ad

Mundo

Mais Vistas