conecte-se conosco

Pará / Santarém

Exército é acionado para ajudar no descarte de produtos de frigorífico clandestino em Santarém

Publicado

em

Foto: Fábio Cadete/G1

O exército foi acionado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma) para ajudar nos trabalhos de remoção e descarte dos produtos apreendidos em frigorífico clandestino em Santarém, oeste do Pará. As atividades continuaram na tarde desta quarta-feira (7) quando ao menos cinco toneladas de camarão foram enterradas.

A Semma, ao ver a dimensão dos trabalhos para o descarte correto do material percebeu que precisaria de ajuda. “Estamos com o apoio de oito militares do exército e uma caçamba. A ideia era que os trabalhos fossem encerrados ainda hoje (quarta), pois já se passaram três dias de operação e o produto é altamente perecível, mas não foi possível”, disse o fiscal ambiental Vianey Lira.

Além da Semma e militares, o Ibama também acompanha a pesagem e o descarte do produto de origem animal – como peixe, caranguejo, camarão e piracuí – no aterro sanitário do Perema, região rural de Santarém.

O descarte

Um buraco, que foi cavado no lixão e já havia recebido pelo menos quatro mil quilos de peixes e caranguejos da mesma operação, também recebeu os camarões. “Esse é um trabalho complexo. Necessitamos, além de pessoas para pesar e colocar as sacas em cima da caçamba, de maquinários para ajudar no processo”, completou.

Um trator foi necessário para abrir e fechar o buraco, mas segundo a Semma provavelmente será necessário de outro. “Ainda tem muito material para ser retirado da residência onde funcionava o frigorífico. Pelo menos umas oito toneladas”, disse Vianey Viana.

O frigorífico

O frigorífico funcionava em uma casa na comunidade Diamantino, grande área do Mararu, em Santarém. O proprietário dos produtos – em sua maioria, pirarucu, piracuí, camarão e aviú – não possuía documento de origem e nem a licença ambiental necessária para esse tipo de empreendimento.

O produto apreendido não serviu para doação, pois segundo a Vigilância Sanitária as condições de higiene eram precárias, e a forma como os produtos estavam acondicionados eram inadequadas.

As informações são do G1 / Santarém

Pará / Santarém

Prefeitura de Santarém reúne com OS que vai gerenciar Hospital Municipal e UPA

Publicado

em

Foto: Ronaldo Ferreira

Em reunião realizada na manhã desta sexta feira (23), no gabinete da Prefeitura de Santarém, o Prefeito Nélio Aguiar, juntamente com o secretário municipal de Saúde, Edson Filho e representantes da Procuradoria do Município discutiram junto com a OS que vai gerenciar o Hospital Municipal e a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), cláusulas e propostas de alteração no contrato de prestação de serviço.

Após seleção e chamada pública, o processo licitatório entra na fase final e neste momento o Instituto Panamericano de Gestão está em Santarém para visita técnica no Hospital Municipal e Unidade de Pronto Atendimento (UPA). A partir do dia 01 de março o contrato entrará em vigor e o Instituto assumirá a gestão destas Unidades, passando primeiramente por um período de transição com a gestão própria para alinhamento.

 

Continue lendo
Anúncio
Anúncio

Brasil

Ciência

Mundo

Anúncio

Mais Lidas