Conecte-se conosco

Pará / Santarém

Corpos são encontrados dentro do empurrador içado no Rio Amazonas

Publicado

em

Corpos de desaparecidos já foram visualizados nos corredores e na cozinha do empurrador.

Familiares dos nove desparecidos no naufrágio do Empurrador CXX, confirmaram ao G1 que foram informados oficialmente no início da tarde desta terça-feira (5) por representantes de órgãos de segurança que acompanharam o içamento da embarcação, que no trabalho inicial dos peritos, corpos já foram visualizados nos corredores e na cozinha do empurrador.

A embarcação foi retirada do fundo do Rio Amazonas, em Óbidos, oeste do Pará, na manhã desta terça-feira. A operação de resgate teve início dia 14 de novembro.

Segundo Gilmar dos Santos Brito, irmão de Juraci dos Santos Brito (desaparecido), os peritos informaram que os corpos estão inteiros, apesar de já ter se passado quatro meses desde o naufrágio da embarcação ocorrido em 2 de agosto de 2017.

“Disseram para nós que foram encontrados corpos nos corredores e na cozinha do empurrador. Agora, eles vão entrar nos camarotes para tentar localizar os outros desaparecidos. Só depois é que eles informarão quando serão levados para Santarém”, relatou.

Continue lendo
Ad
Comentários

Pará / Santarém

Caixa inicia pagamento do FGTS para vítimas de enxurrada em Santarém

Publicado

em

Foto: Divulgação

Caixa Econômica Federal iniciou quinta-feira (21), o atendimento para o pagamento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) aos trabalhadores residentes em Santarém que foram vítimas de enxurradas no início do ano.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil Darlison Maia, os atendimentos para liberação do FGTS acontecem no período de 21 de junho a 4 de julho de 2018, em qualquer agência da Caixa Econômica Federal, no horário de expediente das 10h às 15h, de segunda a sexta-feira. O valor do saque será equivalente ao saldo existente na conta vinculada, limitado a R$ 6.220,00. “Nós credenciamos 211 famílias e a Caixa Econômica está liberando o pagamento para aquelas pessoas que foram afetadas pelas chuvas e que estão dentro dos critérios estabelecidos pela Defesa Civil Municipal e pela agência bancária. É importante ressaltar que para receber o benefício a pessoa precisa ter saldo no FGTS”, explicou o Coordenador Municipal da Defesa Civil Darlison Maia.

O trabalhador poderá solicitar a liberação do FGTS apresentando os documentos necessários para saque (originais e cópias): Carteira de Identidade (RG); Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS); comprovante de residência com data anterior a decretação da calamidade ou comprovante de endereço por Declaração emitida pela Prefeitura, em papel timbrado, datada e assinada pela autoridade competente, onde ateste que o trabalhador é residente da área atingida. Com informações do É Notícia Santarém

Continue lendo
Ad

Facebook

Brasil

Ad

Mundo

Mais Vistas