Conecte-se conosco

Famosos e TV

Comercial com Wesley Safadão é tirado do ar após críticas na internet

Publicado

em

Foto: AG News

Sodiê Doces decidiu tirar da internet o comercial da marca feito com Wesley Safadão para o Dia dos Pais. A decisão acontece após uma enxurrada de comentários negativos por conta da disputa judicial envolvendo o músico e sua ex-mulher, Mileide Mihaile.

A campanha, de 15 segundos, não pode mais ser encontrada nas redes sociais nem no YouTube. Porém, ela continua a ser veiculada na televisão. De acordo com a assessoria de imprensa da marca, o ato foi feito por haver um movimento nas mídias sociais repudiando a campanha com o cantor.

Tais atos de repúdio resultaram em uma repercussão negativa para ambos os lados. Ainda segundo a assessoria, para proteger o cantor e a reputação da marca, decidiu-se que o melhor era romper com o comercial na internet.

A empresa afirma ainda que o caso já foi resolvido pelo artista e que foi algo que atingiu somente a ele. Ela também reitera que possui engatilhadas campanhas para serem lançadas em breve que contam com Safadão como garoto propaganda. Nada deve mudar, já que, segundo a marca, ele ajudou na expansão pelas regiões Norte e Nordeste.

Já a assessoria de imprensa do cantor relata que o artista também recebeu muitas críticas negativas no início do caso, mas que, após o desabafo e a revelação da posição do cantor, feitos no último sábado (28) na internet, o público entendeu o lado dele.

Na manhã da última sexta, aconteceu na 12ª Vara de Família, em Fortaleza, capital do Ceará, a audiência da revisão na forma de pagamento da pensão para o filho do casal, de sete anos. Segundo nota da assessoria de imprensa de Safadão, “ficou acordado que o valor já pago mensalmente desde 2015, de forma não regulamentada, a partir desta data, seria oficializado e homologado pela juíza em prol do filho”.

A nota segue relatando que “em respeito ao ilustre promotor da Vara e à meritíssima juíza, Wesley se resguarda a não divulgar os termos acordados no processo”. E encerra com uma declaração de Safadão: “Quero preservar a integridade emocional do meu filho e, nesse momento, só desejo que a paz volte a reinar”.

Continue lendo
Comentários

Famosos e TV

A cantora Pepê, da dupla Pepê e Neném, disse ‘Sou virgem até hoje, nunca tive um homem’

Publicado

em

Foto: Leco Viana

cantora Pepê, 43, da dupla Pepê e Neném, disse ser “virgem de homem”. Elas falaram sobre sexualidade durante o programa Superpop, da Rede TV!, na noite desta quarta (8).

“Podem julgar. Eu tenho 43 anos e sou virgem até hoje. Nunca tive um homem porque não quero, não é o que eu gosto”, disse neném, acrescentando que desde os onze anos tinha consciência de suas preferências sexuais.

Neném acrescentou que, para a irmã, foi mais difícil aceitar a homossexualidade. “Eu sempre fui mais tímida, achando que as pessoas fossem criticar a gente. Por ela, eu já teria falado a muito tempo”, completou Pepê.

As irmãs ficaram conhecidas no começo dos anos 2000, com o lançamento dos hits “Mania de Você” e “Nada me Faz Esquecer”. Elas assumiram a homossexualidade publicamente durante uma entrevista ao programa De Frente com Gabi (SBT), em 2012.

Nos últimos meses, viraram assunto por publicarem um vídeo apoiando o candidato à presidência Jair Bolsonaro (PSC-RJ).

Elas contam que, antes de falar abertamente sobre sua sexualidade, eram constantemente questionadas sobre os “namoradinhos”. “A gente ficava sem graça, até gaguejava. Eu me sentia mal, me sentia muito mal”, disse Neném.

Pepê e Neném disseram também ter sofrido preconceito na época e acreditam que as pessoas estejam com a “cabeça mais aberta” nos dias de hoje. Elas relataram que tiveram um show cancelado após se revelarem lésbicas.

“Estava tudo combinado para o show. (…) Fomos ao programa, faltando dez dias para a apresentação, o contratante nos ligou e disse: ‘Nossa, não sabia que vocês eram gays. Não quero mais.'”

Depois de 2012, a dupla passou a usar roupas masculinas. Questionadas pela apresentadora Luciana Gimenez sobre a mudança para o visual “menininha” nos últimos meses, elas disseram se tratar de uma questão de gosto e escolha.

“Tem mulheres que são lésbicas e gostam de se vestir como homem. No começo a gente se vestia assim. Mas roupa não diz nada, o que importa é o caráter, o que cada um é”, disse Neném. “Agora a gente está mais luz. Todo mundo comenta que estamos muito bonitas. Gostei muito desse visual”, completou Pepê.

Continue lendo
Ad

Facebook

Brasil

Ad

Mundo

Mais Vistas